Campeonato ABGS do RS: Douglas Black vence por nove e amplia liderança no ranking

21/05/2022

Alexandre Leonardi levou título pré-sênior e Ioma Carvalho foi campeã entre as mulheres

Fernando Braga,  Carlos Coelho e Silvio Cecin premiam Douglas Black. Foto: divulgação

Douglas Black, do Sapezal, venceu de ponta a ponta o 41º Campeonato ABGS de Golfe Sênior do Rio Grande do Sul, jogado dias 19 e 20 de maio, quinta e sexta-feira, no Porto Alegre Country Club (PACC), na capital gaúcha. Elogiado por todos, da organização à qualidade do campo, passando pelo reencontro de velhos conhecidos e pela oportunidade de fazer novos amigos, o Campeonato ABGS do RS foi um divisor de águas para a entidade, que volta a ter presença marcante no estado que foi decisivo para sua fundação e fortalecimento.

O campo do Porto Alegre Country Club, no coração da capital gaúcha, foi um desafio à parte. Recém reformado por Dan Blankenship, arquiteto americano responsável pelo design de muitos dos melhores campos do Brasil, o percurso está em seu melhor momento, na fase decisiva de preparação para receber a Copa Los Andes, o Campeonato Sul-Americano de Golfe por Equipes, organizada no Brasil a cada dez anos, de 23 a 26 de novembro. O campo tem par 70 para os homens e 71 para as mulheres, para quem o buraco 10 é um par 5, contra par 4 no masculino.

Veja o álbum do fotos do torneio

Vitória – Douglas, que vinha de uma vitória no Torneio ABGS da Quinta da Baroneza, em março, quando superou Paul O’Doherty no desempate, desta vez não deu chances para ninguém. Fez a melhor volta de cada dia para vencer com 154 (78-76) tacadas, 14 acima do par. Mario Ghisalberti, do Portal Japy, que vinha de títulos no Torneio ABGS de Brasília, no DF, em março, e no Torneio de Aniversário da ABGS, no Terras de São José, em maio, fez a outra única volta abaixo de 80 da semana para ficar em segundo, com 163 (84-79) tacadas.

Caio Najm, do São Paulo Golf Club, terminou em terceiro, com 169 (87-82) tacadas, seguido por Paulo O’Doherty, seu companheiro de clube, que somou 170 (85-85). Paul é outro que vinha de duas vitórias na temporada, a primeira no Torneio ABGS do Guarujá, em janeiro, e a segunda na Taça Caipira – Torneio Aberto do Interior Paulista, jogado no Ipê e no Damha, em maio. Os torneios de dois dias, como o de Brasília; a Taça Caipira; e este de Porto Alegre, valem 50% a mais de pontos que os demais, o que fez com que Douglas, que liderava a ranking scratch por pequena margem, ampliasse a sua vantagem.

Handicaps – Os jogadores gaúchos dominaram a categoria sênior com handicap índex até 14, levando os três troféus em disputa. Silvio Cecin, do Country, venceu com 149 (78-71) tacadas, seguido por Frank Henouda, do Belém Novo, com 150 (77-73), e por Ruy Reinert, também do Country, com 151 (81-70). Outros dois jogadores também somaram 151, mas perderam o troféu nos critérios de desempate: Jaime Chung, do Guarapiranga (80-71) e Ghisalberti (78-73).

Na 14,1 a 23 o troféu de campeão foi Fabien Dupret, do Sapezal, com 138 (66-72), duas à frente de Peter Ching, do Guarapiranga, que somou 140 (71-69). Já na 23,1 a 32, jogada no sistema stableford, com dois troféus em disputa, o de campeão foi para José Aparecido, da Associação Esportiva São José, com 71 (34-37) pontos, e o de vice para Davi Long, do Guarapiranga, com 69 (34-35).

Idades – Ghisalberti não levou troféu na scratch e nem por handicap, mas venceu entre os de 55 a 59 anos, na modalidade stableford, com 62 (29-33) pontos. Na 60 a 65 anos venceu Caio Najm, com 56 (26-30) pontos. Na 66 a 70 anos o campeão foi Peter Ching, com 72 (35-37) pontos; e na 76 anos ou mais ganhou Ovídio Frizzo, do Country, com 67 (24-33) pontos.

Entre os pré-seniores (40 a 54 anos), o campeão scratch foi Alexandre Leonardi, da Guariroba, com 185 (96-89) tacadas. E na pré-sênior por handicap, o vencedor foi Emiliano Saran, com 157 (79-78) tacadas.

Feminino e Convidados – Entre as mulheres a campeã scratch foi Ioma Carvalho, do Gávea Golf, com 179 (90-89) tacadas, enquanto Lúcia Reinert vencia na categoria com handicap, com 148 (78-70). Houve ainda três categorias para convidados ganhas por Cássio Filizola, do Clube de Campo, na até 14, com 145 (73-72) tacadas; Miguel Curti, do Country, na 14,1 a 32, com 145 (68-77); e Ana Luiza Mason, do Country, na feminina até 32, com 155 (74-81).

Os prêmios foram entregues por Fernando Braga, vice-presidente Técnico da ABGS; Alexandre Leonardi, diretor Pré-Sênior; Silvio Cecin, diretor da ABGS no RS; e Carlos Coelho, presidente do Porto Alegre Country Club.

 

 

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Aproveite o acordo entre a Pousada Travel Inn Trancoso e o Terravista Golf Course

  • Golfe 2016

    Jogos de Tóquio: Nelly Korda leva susto, mas vence por uma e dá aos EUA seu segundo ouro no golfe


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados