DeChambeau bate recorde de distância de drive de todos os tempos, no PGA Tour

09/09/2020

Marca pertencia a Hank Keuhne, desde 2003. Cameron Champ fez segunda média da história

DeChambeau em ação no PGA Tour. Foto: Andy Lyons/Getty Images

por | Ricardo Fonseca

Bryson DeChambeau não teve um bom desempenho nos Playoffs da Fedex Cup, depois de não passar o corte no The Northern Trust, ficar em 50º no BMW Championship e em 25 no Tour Championship, mas quando a questão é distância de drive ninguém pode com ele. DeChambeau encerrou a temporada com média de 322,1 jardas de drives, considerando os dois que são medidos oficialmente em cada volta. Essa é a maior distância média de todos os tempos na história do PGA Tour.

Cameron Champ, que terminou a temporada 2019/2020 do PGA Tour em segundo na média de distância de drives, muito perto de DeChambeau (322,0), fez a segunda melhor marca de todos os tempos. No total, 72 profissionais terminaram a temporada com médias superiores a 300 jardas, mas apenas os dois primeiros superaram a antiga marca.

O recorde anterior, de 321,5 jardas, pertencia a Hank Keuhne desde 2003. Keuhne teve uma curta carreira no PGA Tour e ganhou apenas quatro torneios como profissional, dois no Tour do Canadá e dois no Franklin Templeton Shootout, torneio não oficial do PGA Tour. Keuhne esteve no Brasil em 2001 para o São Paulo Brazil Open, do Tour Europeu, no São Paulo GC, onde terminou em 31º no torneio encurtado para três dias por causa de temporais.

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Você só tem até esta 2ª feira, 3 de junho, para se inscrever no Sul-Americano Sênior

  • Golfe 2016

    PGA Tour: Entenda tudo o que está em jogo para Tiger esta semana, no Memorial


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados