HSBC Champions: McIlroy bate Schauffele no playoff para vencer pela quarta vez em oito meses

03/11/2019

Título em Xangai deixar norte-irlandês mais perto de voltar a ser o número 1 do mundo

por | Ricardo Fonseca

Mesmo jogando todo o final de semana sem um bogey sequer, Rory McIlroy precisou jogar um buraco extra neste domingo, 3 de novembro, para superara, com um birdie, o americano Xander Schauffele, defensor do título, para ser o campeão do HSBC Champions, quarto e último torneio do ano da série mundial, os World Golf Championships, disputado desde quinta-feira no campo do Sheshan International, em Xangai, na China. McIlroy (67-67-67-68) e Schauffele (66-69-68-66) haviam empatado com 269 tacadas, 19 abaixo do par.

Esse foi o quarto título de um ano especial para McIlroy, em que ele foi campeão ainda do The Players Championship, em março; do RBC Canadian Open, em junho; e do Tour Championship, em agosto, o que lhe deu o título da Fedex Cup de 2019, a caminho de ser escolhido o Jogador do Ano pelo PGA Tour. Com os 60 pontos ganhos por seu título em Xangai, McIlroy também ficou mais perto de tentar retomar o posto de número 1 do mundo, que pertence ao americano Brooks Koepka. A semana começou com McIlroy 2,2 pontos de média atrás do americano, agora apenas um ponto os separam.

Playoff – Ao vencer o playoff, disputado no buraco 18, de par 5, onde bateu um bom drive no meio, colocou a segunda no green e fez birdie com dois putts, enquanto Schauffele errava o drive, sendo obrigado a fazer um lay up antes de errar um putt de quatro metros, McIlroy impediu que o americano se torna-se o primeiro campeão a defender com êxito seu título no HSBC Champions. Ao mesmo tempo, o norte-irlandês impediu que jogadores dos EUA vencessem seu décimo torneio consecutivo dos World Golf Championships. Esse foi o terceiro WGC de McIlroy, mas o primeiro desde o Match Play de 2015.

O sul-africano Louis Oosthuizen, que começou o dia uma atrás de McIlroy, terminou em terceiro, com 271 (68-69-65-69), 17 abaixo. Três jogadores empataram em quatro, com 273 tacadas, 15 abaixo, com destaque para o mexicano Abraham Ancer (68-71-67-67), que estreou na competição e continua sua escalada para o topo do ranking mundial, onde só recentemente chegou aos Top 50. Ele dividiu a posição com o francês Victor Perez (67-71-69-66) e com o austríaco Mathias Schwab (65-71-71-66). O inglês Matthew Fitzpatrick ficou a seguir, com 274 (66-67-70-71), num torneio onde os sete primeiros colocados tiveram nacionalidades diferentes, uma das maravilhas dos WGC.

Número 1 – McIlroy volta a jogar dentro de duas semanas no DP World Tour Championship, em Dubai, torneio de encerramento dos playoffs do Tour Europeu, e se conseguir novo título (venceu o torneio em 2012 e 2015), além de se tornar o número 1 dos dois maiores circuitos profissionais do mundo na mesma temporada (repetindo o que fez em 2015), irá começar 2020 muito perto de Koepka no ranking mundial.

Phil Mickelson terminou com uma volta de quarto abaixo, mas apenas para empatar em 28º, com 283 (71-69-75-68), cinco abaixo, o que fará com que ele deixe de ser Top 50 do mundo no ranking a ser divulgado na segunda-feira. Esta será a primeira vez em 16 anos que Mickelson não estará entre os 50 primeiros do mundo, ponde fim à mais longa sequência desde que o Official World Golf Ranking (OWGR) foi criado em 1986.

Presidents Cup – Patrick Reed jogou seis abaixo na volta final para empatar em oitavo e manter viva sua esperança de ser uma das quatro escolhas que o capitão Tiger Woods vai anunciar na quinta-feira para completar os 12 do time americano que irão disputar a Presidents Cup, em dezembro, na Austrália. Reed foi Top 20 em 10 de seus últimos 13 torneios, incluindo um título nos Playoffs da Fedex Cup.

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Você só tem até esta 2ª feira, 3 de junho, para se inscrever no Sul-Americano Sênior

  • Golfe 2016

    Jogos do Rio 2016: seis medalhas para seis países diferentes coroam o sucesso do golfe olímpico


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados