Juvenil de São Paulo: Meilin Hoshino e Arthur Locoman continuam isolados em primeiro

16/01/2020

Competição válida para os rankings mundial, brasileiro e paulista termina nesta 6ª, no Guarapiranga

Melin: melhor parcial de todo o torneio, incluindo o masculino, para colocar uma mão na taça. Foto: Thais Pastor/F2 Comunicação

Arthur Locoman dos Santos, do Curitibano, e Meilin Hoshino, do São Paulo GC, mantiveram a liderança isolada do 32º Campeonato Juvenil do Estado de São Paulo, válido como primeira etapa do Tour Nacional Juvenil de Golfe de 2020, após a segunda rodada, jogada nesta quinta-feira, 16 de janeiro, O torneio que termina nesta sexta-feira, 17, no Guarapiranga Golf & Country Club, na zona sul da capital paulista, é válido para os rankings mundial, brasileiro e da Federação Paulista de Golfe (FPG), até 21 anos.

Locoman, que piorou cinco tacadas em relação à estreia, continua em primeiro, com 149 (72-77) tacadas, mas agora apenas uma à frente de Tomas Afonso Ribeiro, do Terras de São José Golfe Clube, que soma 153 (74-76). Ambos fizeram apenas um birdie em suas voltas, num dia em que a chuva da tarde atrapalhou, mas não impediu que o jogo terminasse sem transtornos.

Agustin Pizzorno, do Campestre de Livramento, vem em terceiro com 153 (79-74), seguidos por quatro jogadores com 155: Renato da Silva Filho, do Curitibano (79-76); Rafael Ziccardi, do Clube de Campo (79-76); Pedro Henrique dos Santos, do Alphaville Graciosa (76-79) e Deivid Barbosa de Oliveira, do Rio de Janeiro (76-79). Lucas Steinhoff, do São Paulo GC, recuperou várias posições ao fazer o recorde de seis birdies e a melhor volta do torneio até agora, para terminar em oitavo, com 156 (85-71).

Idades – Entre os juniores (19 a 21 anos, a liderança mudou de mãos, com Jair Benke Junior, do Pine Hill, passando para primeiro, com 155 (79-76), seguido por Pietro Alvim, do São Fernando, que caiu para segundo, com 157 (76-81). Humberto Rodrigues, do Campo Olímpico, vem em terceiro, com 161. Na classificação exclusiva dos juvenis (16 a 18 anos), Locoman lidera seguido por Tomas Afonso e Agustin.

Na pré-juvenil (14 e 15 anos), Deivid Barbosa de Oliveira, do Rio de Janeiro, assumiu a ponta com 155 (76-79), seguido por Pedro Pelicioni, do Ipê, com 155 (76-79) e por Pedro Miyata, do São Fernando, líder da véspera, que caiu para terceiro com 165 (75-90). Na até 13 anos, João Vicente Gavião, do Belém Novo, lidera com 164 (87-77), seguido por Bernardo Brezolin, do Dunas, com 165 (87-78) e por Pedro Salioni, do São Fernando, com 180 (94-86). E na até 11 anos, Rafael Barea Quadros, do Alphaville Graciosa, soma 185 (93-92).

Feminino – No feminino Meilin Hoshino voltou a fazer a melhor volta do torneio e abriu uma vantagem decisiva, com 146 (74-72) tacadas para ficar 13 à frente de Manu Barcellos, do Quinta da Baroneza, segunda colocada com 159 (78-81). Ana Sung Marques, do Arujá, vem em terceiro com 163 (82-81), seguida por Marina Nonaka, do Arujá, com 168 (80-88) e por Isadora Fernal, do Poços de Caldas, com 169 (86-83). Na júnior, Maria Clara Canano, do Rio de Janeiro, soma 201 (98-103).

Entre as juvenis a liderança é de Manu Barcellos, seguida por Ana Sung e por Julia Vilas Boas, do Guarapiranga, com 175 (86-89). Na pré-juvenil Meilin lidera seguida por Marina e por Valentina Bosselmann, do Itanhangá, com 184 (93-91). E na até 13 anos, Isadora tem dez tacadas de vantagem sobre Maria Luiza Soares, do Porto Alegre CC. vice com 179 (90-89). Maria Eduarda Cheuiche, do Dunas, vem em terceiro, com 203 (94-109).

Resultados completos

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Você só tem até esta 2ª feira, 3 de junho, para se inscrever no Sul-Americano Sênior

  • Golfe 2016

    Jogos do Rio 2016: seis medalhas para seis países diferentes coroam o sucesso do golfe olímpico


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados