Terravista Golfe e Música: pros vão direto do Web.com para Trancoso

18/03/2014


Quatro profissionais que defenderam o país no Brasil Champions jogam no L´occitane Open


Ronaldo: em busca do bicampeonato em Trancoso, animado pela boa atuação no Web.com Tour
Ronaldo: em busca do bicampeonato em Trancoso, animado pela boa atuação no Web.com Tour

por: Ricardo Fonseca

Comandados por Ronaldo Francisco, o número 1 do Brasil, um dos três brasileiros que passou o corte no Brasil Champions, o maior torneio do Web.com Tour, encerrado domingo, em São Paulo, quatro profissionais que jogaram no torneio de acesso ao PGA Tour já estão em Trancoso, no Sul da Bahia, para disputar de amanhã, quinta, a sábado o 3º L`Occitane Golf Open, competição que integra o Terravista Golf e Music 2014. Além do golfe, esse evento de repercussão mundial vem tendo apresentações diárias de música erudita e popular, no novo Anfiteatro do Festival Musica em Trancoso, construído dentro do campo do Terravista, onde estão se apresentando artistas e solistas internacionais, juntamente com orquestras sinfônicas e músicos brasileiros (veja foto abaixo).

Ronaldo, integrante da equipe YKP/Azeite 1492 de golfe, que foi um dos destaques do Brasil Champions, onde esteve três rodadas entre os dez primeiros colocados, chegou a Trancoso confiante para defender o título que ganhou em 2013, no Terravista. “Bati bem na bola a semana toda e estou com um bom ritmo de jogo para tentar vencer mais uma vez”, diz Ronaldo, que fez duas voltas de 66 tacadas no São Paulo GC, as melhores conseguidas pelos dez brasileiros em campo. Ronaldo chegou na terça-feira à Bahia, fez um reconhecimento do campo, onde fará, nessa quarta-feira, seu único treino antes da estreia.

Favoritos – Ronaldo terá como principais adversários dois de seus companheiros na equipe YKP/Azeite 1492 – Philippe Gasnier e Daniel Stapff – que também chegaram a Trancoso diretamente do Brasil Champions para disputar os R$ 81,5 mil em prêmios do torneio profissional, sendo R$ 20 mil para o campeão. O quarto jogador do Web.com na Bahia é Rafael Barcellos, campeão do L`Occitane Golf Open de 2012, que tenta, assim como Ronaldo, tornar-se o primeiro bicampeão do torneio do Terravista.

Além de competir entre si, os profissionais disputarão, paralelamente, uma competição de duplas jogando ao lado de amadores durante os dois primeiros dias – quinta e sexta, quando os amadores também competem entre si. O 3º L`Occitane Golf Open termina no sábado, com um Pro-Am reunindo equipes com um profissional e três amadores cada. Há R$ 8 mil em prêmios para os profissionais do Pro-Am. Pela primeira vez em três anos as inscrições para o torneio se esgotaram com bastante antecedência, graças a uma procura recorde dos amadores atraídos tanto pela competição de golfe como pelo festival de música elogiado mundialmente pela crítica.

Estreias – Para muitos profissionais brasileiros, como Rodrigo Lee, membro do PGA Tour Latinoamérica, e Rogério Bernardo, está será a primeira competição que disputam em quase três meses. Outros, com Marcos Silva, de Londrina, patrocinado pela Bueno Wines; Guilherme Oda, do Damha GC; Odair Lima, de Maringá; e Pablo de La Rua, jogaram no Match Play final do Mini Tour Profissional de Golfe (MTPG), em Toledo, no Oeste do Paraná. Odair foi o campeão ao fechar o torneio com dois birdies e um eagle consecutivos. Ao todo, estarão em campo nove dos dez primeiros colocados do ranking profissional brasileiro de 2013.

Entre os estrangeiros os destaques são os argentinos Maurício Molina, número 1 do ranking do Circuito Brasileiro de Golfe Profissional – CBG Pro Tour – de 2013; Sergio Acevedo, o segundo do ranking; e Francisco Ojeda, o terceiro melhor estrangeiro e quinto colocado da lista, todos com vitórias no Brasil na temporada de 2013. Completa a lista de estrangeiros o paraguaio Nilson Cabrera, que também já venceu no Brasil e competiu no CBG Pro Tour em 2013.

Destaques – Outros desataques brasileiros do 3º L`Occitane Golf Open são Giordano Junqueira, de Ribeirão Preto, e Tiago Silva, head-pro do campo público de Japeri (RJ). Muitos outros talentos também terão oportunidade de medir força com a elite profissional sul-americana, como Adriano Franchim, head-pro do Pine Hill GC, de Toledo (PR); Wanderley Garcia Maciel, de São Paulo, e dois representantes da Bahia: Janilson Dias de Souza e Ricardo Bernardo Ramos, profissional do Terravista Golf Course.

O patrocínio do Terravista Golf e Music é da L`Occitane en Provance, empresa mundial de cosméticos presidida por Reinold Geiger, que está participando dos dois torneio de golfe ao lado de Carlo Lovatelli, presidente do Terravista, seu parceiro na idealização e realização do Terravista Golf e Music. O evento conta ainda com apoio da Confederação Brasileira de Golfe (CBG) e da Federação Baiana e Capixaba de Golfe (FBCG).

Noite de Jazz no Terravistas: Jane Monheit apresenta-se com Michael Kanan (piano), Neal Miner (contrabaixo) e Rick Montalbano (bateria)
Noite de Jazz no Terravistas: Jane Monheit apresenta-se com Michael Kanan (piano), Neal Miner (contrabaixo) e Rick Montalbano (bateria)

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Você só tem até esta 2ª feira, 3 de junho, para se inscrever no Sul-Americano Sênior

  • Golfe 2016

    PGA Tour: Entenda tudo o que está em jogo para Tiger esta semana, no Memorial


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados