Bolsa do campeão: veja o que Bubba Watson usou para vencer o Northern Trust Open

23/02/2016

Novo putter, modificado a pedido do jogador para ficar mais leve, foi a arma para vencer no Riviera

 

Bolsa de Bubba Watson: putter fez diferença, mas driver foi decisivo para vencer o torneio de golfe no Riviera

Bubba Watson chegou ao Northern Trust Open ranqueado apenas na 199ª colocação entre 217 jogadores, na estatística “strokes gained/putting” do PGA Tour, que na prática mostra como foi o desempenho do jogador sobre os greens em relação ao conseguido pelos demais jogadores em campo. No Riviera, no entanto, Watson reencontrou seu melhor jogo com o putter, terminando a semana em 11º lugar nesse quesito, com uma média de 1,31 putts melhor do que a média dos demais profissionais.

Desde dezembro, quando jogou no Hero World Challenge, Watson usa um putter Ping Anser Milled 1 Protótipo. Esse taco tem originalmente 339 gramas, mas Watson o achou pesado demais para ele e pediu à fábrica para tirar 10 gramas do peso da cabeça, o que fez toda a diferença. Para se ver a que ponto de detalhe chega a percepção de um profissional de ponta. Watson pediu ainda para colocar uma marca no topo, um ponto, que ele usa como referência de alinhamento.

Driver – Considerado um dos maiores batedores do circuito, Watson não se destacou no quesito, mas ainda assim seus drives foram decisivos. Watson acertou apenas 50% das raias na semana (50º do ranking) e sua distância média com o driver foi de 295,4 jardas (16º), mas foram dois tiros do tee que lhe garantiram a virada final e a vitória. Um de 33 jardas no buraco 17, de par 5, onde fez birdie para ficar uma tacada à frente, e outro drive de 301 jardas no estreio e difícil 18, onde fez o par e garantiu o título.

Watson usou um driver Ping G30 por 18 meses, mas mudou para um driver G no começo do ano antes de jogar o Tournament of Champions, no Havaí. Segundo a PING, o driver usa a tecnologia “Turbulators”, que melhora a aerodinâmica deixando-a mais eficiente por retardar o fluxo de ar durante o swing, o que permite aumentar a velocidade da cabeça do taco. A boa surpresa é que foi a estrutura do exoesqueleto das asas das libélulas, um inseto tão frágil, que inspirou a tecnologia que a empresa chama de Dragon Fly. Watson está hoje em quarto lugar em distância no PGA Tour com média de 314,7 jardas, o que o coloca em sexto lugar nas estatísticas gerais de driver.

Veja o que Bubba Watson levou em sua bolsa

Driver

PING G, de 9 graus, com vara Grafalloy Bi-Matrix Rocket Pink X

Madeira 3

PING G, de 14,5 graus, com vara Fujikura Motore Speeder Tour Spec 8.2 X

Ferros (2 a PW)

PING S55, com varas True Temper Dynamic Gold Tour Issue X100

Wedges (52SS, 56SS e 60TS graus)

PING Glide, com varas True Temper Dynamic Gold Tour Issue X100

Putter

PING Milled Anser 1 Protótipo customizado

Bola

Titleist Pro V1X

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Você só tem até esta 2ª feira, 3 de junho, para se inscrever no Sul-Americano Sênior

  • Golfe 2016

    Jogos do Rio 2016: seis medalhas para seis países diferentes coroam o sucesso do golfe olímpico


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados