Golfe 2016: mesmo se recuperando de fratura no pé, Candy joga no campo olímpico

26/02/2016

Carioca radicada nos EUA já começou a treinar o jogo curto, mas tem que usar a bola fora de casa

 

Candy com o pé direito imobilizado: voltando aos treinos de jogo curto a apenas 11 dias do teste no Rio

por Ricardo Fonseca

(Atualizado às 11 horas)

Uma fratura no pé direito ocorrida há um mês num acidente na academia, ameaçava tirar Candy Hannemann do evento-teste do campo olímpico de golfe, na Barra da Tijuca, que será feito com portas fechadas para o público e apenas nove brasileiros em campo. Candy já começou a treinar o jogo curto, mas a 11 dias do evento-teste, ainda está com o pé imobilizado. Mesmo sem estar 100º, ela garantiu hoje que vai jogar.

“Vai dar para jogar o evento teste sim”, garante Candy. “Já estou andando dentro de casa e só uso a bota fora de casa”, revela. “Estou indo porque acho importante apoiar o golfe brasileiro em um momento tão importante”. “Espero estar de volta full time na metade de março e jogando meu primeiro torneio do Symetra, em abril”.

Candy não deve perder nada temporada do Symetra Tour, o circuito de acesso ao LPGA Tour, que começa dia 8 de abril, dentro de 40 dias, o que lhe dará tempo de se recuperar totalmente. “Já estou bem melhor e essa semana comecei a treinar o jogo curto. Isso só me faz ter mais determinação para atingir o meu objetivo que é me classifciar para o Rio 2016”, diz Candy.

Rio 2016 – No Symetra, a brasileira que já foi uma das melhores profissionais do LPGA Tour, até parar por quase seis anos por uma contusão no punho, que emendou com casamento e duas gestações, espera conquistar pontos para o ranking mundial suficientes para garantir vaga no Rio 2016. Hoje ela é a terceira melhor brasileira do ranking mundial, atrás apenas de Miriam Nagl e de Victoria Lovelady.

O evento-teste do dia 8, do qual nenhum estrangeiro quis participar, já perdeu os dois brasileiros mais bem colocados no ranking mundial de golfe, Adilson da Silva e Lucas Lee, que optaram não vir ao Brasil para se dedicar aos circuitos que jogam. Aceitaram e devem jogar os três brasileiros do PGA Tour Latinoamérica – Daniel Stapff, Rodrigo Lee e Rafa Becker – aproveitando o recesso do circuito, além de Alexandre Rocha, do Web.com Tour, que também não tem torneios na data, e Rafa Barcellos. No feminino jogam Miriam, Lovelady e Luciane Lee, também do Symetra Tour, além de Candy.

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Você só tem até esta 2ª feira, 3 de junho, para se inscrever no Sul-Americano Sênior

  • Golfe 2016

    Jogos do Rio 2016: seis medalhas para seis países diferentes coroam o sucesso do golfe olímpico


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados