São Fernando Open: Andrey Xavier é campeão por quatro tacadas de vantagem

03/10/2021

O número 1 do Brasil venceu todos os torneios do ranking mundial que jogou em 2021

Andrey Xavier, campeão do São Fernando Open 2021. Fotos: Thais Pastor/F2 Assessoria

Não foi o desempenho dos sonhos e nem os resultados que ele gostaria, mas o gaúcho Andrey Xavier, do Santa Maria Golfe Clube, teve muito o que comemorar com sua vitória no 52º São Fernando Golf Club Open – 2021, encerrado neste domingo, 3 de outubro, em Cotia (SP). Além de vencer por quatro tacadas de vantagem em um dos campos mais seletivos do país, Andrey, que vinha de vitórias nos abertos do Rio de Janeiro e de Brasília, manteve sua invencibilidade, em 2021, em torneios válidos para o ranking mundial amador de golfe, onde é o brasileiro mais bem colocado, e ampliou ainda mais sua vantagem como número 1 do ranking nacional.

Veja quase 500 fotos exclusivas do torneio

Não foi um torneio fácil para ninguém, sobretudo na sexta-feira, o primeiro dia, quando o vento e a chuva foram um fator importante e os raios obrigaram a interromper o jogo por duas vezes, com a maioria dos jogadores scratch tendo que voltar às sete horas do sábado para completar a rodada e depois ainda jogar os 18 buracos do dia. Neste domingo, o tempo quente e abafado logo trouxe chuvas de fracas a moderadas, com raios, que pararam o jogo por uma hora. Felizmente houve tempo de terminar a competição, antes que a chuva forte caísse sobre a região.

Virada – Andrey começou o torneio perdendo por sete tacadas, mas virou o jogo no segundo dia, quando jogou três abaixo para liderar por uma e ser o único a quebrar o par do campo na semana. Neste domingo, apesar de dois duplos bogeys, o gaúcho ampliou ainda mais sua vantagem para vencer com 226 (80-68-78) tacadas, 13 acima do par e quatro tacadas de vantagem sobre os adversários. “Não foi um score bom, mas felizmente mostrei que quando é preciso eu consigo reagir e vencer”, disse Andrey, que foi o único do pódio a quebrar 80 na volta final.

Arthur Locoman, do Clube Curitibano, começou e terminou o dia em segundo, sendo vice-campeão sem fazer um birdie sequer na volta final, com 230 (73-76-81) tacadas. Leonardo Dale, do São Fernando, que começou o dia em terceiro, fez a segunda melhor volta do torneio no sábado, e perdeu o troféu de segundo lugar ao terminar com 231 (80-71-80) tacadas, apesar do longo putt para birdies que embocou no 18.

Mais destaques – O único a colocar alguma pressão no campeão neste domingo foi Homero de Toledo, do Alphaville Graciosa (PR), que jogou o par do campo (35) de ida, apesar de um bogey no 9, onde varou o green com a segunda tacada. Mas Homero errou muitos putts na segunda metade do campo e teve que se contentar com o quarto lugar, com 232 (80-75-77) tacadas, Destaque ainda para o pré-juvenil Pedro Miyata, do São Fernando, de apenas 15 anos, que fez a melhor volta do domingo para terminar em quinto, com 234 (78-81-75) tacadas.

A competição pelo troféu sênior (55 anos ou mais) do São Fernando Open, foi uma atração à parte, reunindo importantes jogadores da história do golfe brasileiro. Luiz A. P. Almeida, o Gugu, do São Paulo Golf Club, foi o campeão com 240 (79-80-81) tacadas, seguido por Renato Song, capitão do São Fernando, com 242 (83-81-78), e por Roberto Gomez, oito vezes campeão desse torneio, que também somou 242 (80-79-83).

Handicaps – Em compensação, Song foi o campeão da categoria com handicaps índex até 8,5, com 215 (74-72-69), duas acima do par. O pódio foi completado por dois juvenis: Pedro Miyata, com 219 (73-76-70), e Marcos Park, do Paradise, com 221 (79-74-68). Na 8,6 a 14, só deu São Fernando no pódio. Alexandre Santos venceu com 204 (63-74-67) tacadas, nove abaixo do par, seguido por Yun Sang Ramon Lee , com 206 (65-70-71), e por Byung Hong, com 207 (73-67-67).

Na 14,1 a 19,4, dobradinha dos jogadores da casa, com Ronald Radomysler campeão com 208 (67-68-73) tacadas, e Yoo Chung, vice, com 207 (70-74-73). William Souza Muniz, do Riacho Grande, ficou em terceiro, com 218 (71-76-71). Todas as categorias tiveram cortes após 36 buracos. Neste domingo, jogaram apenas os 30 melhores da categoria scratch (até 8,5) e os 15 primeiros e empatados das demais categorias, ou seja, 17 golfistas na 8,6 a 14, e 16 na 14,1 a 19,4.

Premiação – Mauro Batista, diretor executivo da Federação Paulista de Golfe (FPGolfe) apresentou a entrega de prêmios, que teve a mesa formada por Hélio Fabbri, presidente do São Fernando; Renato Song, capitão do clube; Ademir Mazon, presidente da FPGolfe; e pelos patrocinadores Mario Brandizzi Neto, da BSS, e Ricardo Goncalves, da Copag. O 52º São Fernando Golf Club Open – 2021 teve ainda patrocínios da Columbia, Jac Motors e Saxo Bank.

Resultados completos

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Aproveite o acordo entre a Pousada Travel Inn Trancoso e o Terravista Golf Course

  • Golfe 2016

    Jogos de Tóquio: Nelly Korda leva susto, mas vence por uma e dá aos EUA seu segundo ouro no golfe


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados