US Open: Rose iguala recorde de Tiger em Pebble Beach para liderar por uma

14/06/2019

Putts salvam Woods, que termina abaixo do par, entre os Top 30 do terceiro major do ano

Rose iguala recorde de Woods jogando a seu lado

por | Ricardo Fonseca

Depois de jogar quatro abaixo, com um eagle, nos primeiros sete buracos, o inglês Justin Rose, número 4 do mundo, fechou o dia com três birdies consecutivos, o último deles de 3,5 metros de distância no 18, para jogar 65, seis abaixo do par, e igualar o recorde de melhor volta num US Open em Pebble Beach, estabelecido por Woods, que jogava a seu lado, em sua histórica vitória em 2000. Rose está uma tacada à frente de um grupo de quatro jogadores que marcou 66, cinco abaixo: Rickie Fowler, Xander Schauffele, Louis Oosthuizen e Aaron Wise.

A ESPN transmite a segunda rodada, nesta sexta-feira, das 16 horas às 22h30.

Tiger Woods, que renasceu das cinzas com uma vitória no Masters, em abril, quase 11 anos depois de ter ganho seu último major, e vem em busca de seu 16º título do Grand Slam, errou muitos tiros para o green, mas foi salvo pelo putt para ser um dos 39 a terminar com números vermelhos no placar. Graças a 11 greens de um putt, a maioria para salvar o par, incluindo dois de longe, Woods, que acertou 72% das raias mas apenas metade dos greens, jogou 70, uma abaixo, com a sensação que poderia ter sido muito menos… ou muito mais.

Jogável – Criticada pela dificuldade dos campos do US Open dos últimos anos, a USGA, que organiza o torneio, deixou o percurso de 7.046 jardas e par 71 mais “jogável” do que o habitual nessa competição, apesar do roughs altos, incluindo a volta dos greens e bancas. Sem vento, Pebble Beach não mostrou as garras, como costuma acontecer com campos links em geral. A intensão da USGA é ir deixando o campo um pouco mais difícil a cada dia, reservando o verdadeiro teste para domingo, na decisão do título.

Quem jogou cedo pelo tee do 1, logo percebeu que os buracos para birdie eram os sete primeiros do campo. Woods fez três birdies lá, infelizmente intercalados por um duplo bogey-5 depois de dar um gancho do tee do 5 e errar o green também na volta. Brooks Koepka, que tenta ser o primeiro tricampeão do US Open em mais de 100 anos e busca seu quinto major em dez torneios, jogou quatro abaixo nos primeiros seis buracos, antes de o jogo longo o abandonar e ele devolver duas tacadas no final.

Amador – Até o amador norueguês Viktor Hovland, da Oklahoma State, campeão do US Amateur e número 1 do ranking (WAGR), que jogava ao lado do bicampeão do US Open, fez quatro abaixo nos primeiros seis buracos, antes de devolver tudo para o campo e ter que fechar o dia com dois birdies seguidos para empatar com Koepka em 16º, com duas abaixo, como o melhor amador em campo. Ele foi o melhor amador do Masters e deve se profissionalizar no segundo semestre.

Scott Piercy, que saiu pelo 10, mas jogou cinco abaixo do 2 ao 6, com um eagle, divide o sexto lugar com Nate Lashley, que jogou quatro abaixo, sem bogeys. Entre os sete empatados em oitavo, com três abaixo, estão Rory McIlroy, Francesco Molinari, Henrik Stenson, que fez quatro birdies seguidos no final (5 ao 8) e o argentino Emiliano Grillo, melhor latino-americano, que fez três birdies nos quatro últimos buracos.

Mais destaques – No grupo de 12 jogadores com duas abaixo, estão – além de Koepka e Hovland – Jon Rahm, Sergio Garcia, Bryson DeChambeau, Graeme McDowell, Matt Kuchar e Matthew Fitzpatrick. Jason Day e Adam Scott estão entre os empatados em 28º com Woods. Rory Sabbatini, que nasceu sul-africano e virou eslovaco de olho numa vaga para Tóquio 2020, fez um hole-in-one no buraco 12, mas jogou 72, uma acima, e vem em 58º, na linha de corte.

  • Onde Jogar

    Como chegar. Dicas de hospedagem e alimentação. Preços e serviços

  • Turismo

    Você só tem até esta 2ª feira, 3 de junho, para se inscrever no Sul-Americano Sênior

  • Golfe 2016

    Jogos do Rio 2016: seis medalhas para seis países diferentes coroam o sucesso do golfe olímpico


  • Newsletter

    Golfe.esp.br - O Portal Brasileiro do Golfe

    © Copyright 2009 - 2014 Golfe.esp.br. Todos os direitos reservados